Conforme a febre do novo iPhone se intensifica com a aproximação do evento de lançamento, mais vazamentos vão chegando. Dessa vez temos renderizações baseadas em esquemas obtidos pelo vazador KK, da rede social chinesa Weibo.

Apesar de não termos como verificar a veracidade dessas renderizações, KK é um famoso vazador de informações da indústria mobile que já vazou com precisão informações antes de diversos lançamentos.

Pela renderização, o iPhone 8 terá altura de 137,54mm e largurta de 67,54mm, ou seja, tamanho quase idêntico ao do iPhone 7 que possui 138,3mm por 67.1mm. Infelizmente, a espessura do aparelho não foi divulgada.

Assim como apontam quase todos os rumores envolvendo o novo smartphone da Apple, nesta renderização também vemos uma tela de 5,768 polegadas na diagonal, cobrindo praticamente toda a parte frontal do mesmo.

Com uma tela desse tamanho, a Apple obviamente precisaria diminuir significativamente as bordas, assim como fez a Samsung com o Galaxy S8 e a LG com o G6. Vemos que todas as quatro bordas medem apenas 4mm, sendo metade disso coberta pelo vidro 2,5D.

O esquema vazado mostra diversos componentes no topo, como o alto-falante, câmera frontal, buraco de microfone, sensor de luz ambiente, sensor de proximidade e o tão falado sensor 3D. A câmera dupla na traseira com maior espaçamento entre os sensores indica uma preocupação com as funções de realidade aumentada, algo que deve ser um dos focos do iPhone 8.

Porém, a renderização nos mostra apenas o alto-falante embutido na tela, então não sabemos como eles serão integrados quando o iPhone 8 for finalmente lançado. Apesar dos rumores apontarem para todos eles embutidos na tela, pode ser que a Apple tome um caminho diferente.

Pode-se dizer o mesmo sobre o Touch ID. Parece que a Apple realmente vai seguir a nova tendência e abandonar de vez o botão Home. Sendo assim, há apenas duas opções: mover o sensor de impressão digital para a traseira ou a colocar na própria tela. Parece que a Apple quer seguir o segundo caminho, mas está tendo alguns problemas em aperfeiçoar a tecnologia.

Leave a Reply

Your email address will not be published.