As operadoras deverão tornar sua base 100% original ainda em janeiro, de acordo com uma resolução publicada pela Anatel. Isso significa que o celular analógico está em seus dias finais.

O fim da tecnologia analógica já tinha prazo determinado para o começo de 2013. Prazo este que foi prorrogado devido a quantidade de clientes do Ruralcel. Agora, o prazo para o desligamento é até o dia 19 de janeiro de 2017.

Nos centros urbanos a base já é praticamente toda digital, mas o celular analógico ainda é usado em zonas rurais, especialmente por pessoas mais velhas que não utilizam nenhum recurso além da ligação de voz. A rede móvel analógica também é utilizada para telefones fixos em zonas rurais.

Por celular analógico, estamos falando daqueles aparelhos bastante antigos, que não utilizam o chip que conhecemos. É possível troca-los por um featurephone, também simples, mas que já funciona com GSM.

A Anatel visa melhorar a eficiência do espectro ao abandonar os equipamentos analógicos nas faixas de frequência 800 MHz, 900 MHz, 1.800 MHz, 1.900 MHz e 2.100 MHz. Com o sistema digital, é capaz de se transmitir uma quantidade bem maior de dados, assim sendo melhor utilizada a capacidade da infraestrutura.

Apesar da quantidade de usuários que ainda fazem uso do sistema analógico, as empresas deverão oferecer outras soluções aos usuários para “garantir a continuidade da prestação de serviço”, conforme diz o texto da resolução 672.

X