Parece que o jogo virou não é verdade? Normalmente a Apple tem patente sobre todos seus designs e dispositivos já para evitar que alguém copie ela. Mas isso não quer dizer que de tempo em tempo ela pode tentar dar uma escapulida e pegar o design descaradamente de outra fabricante. Especialmente uma do mercado chinês que é pouco conhecida e poucos vão fazer a comparação para saber se é verdade ou não. Estranho é que a empresa só decidiu fazer o processo contra a Apple de patentes agora, quase no fim da vida do iPhone 6 entrando para a linha do iPhone 7.

parece-que-o-mundo-da-voltas-queridinha

De acordo com o Engadget, a empresa chamada Baili, empresa chinesa que está processando a Apple, acredita que a Apple usou o design de seu aparelho, o 100C para criar o iPhone 6. O engraçado é que normalmente é a Apple que vive atacando fabricantes do Android com regras de patente dizendo que ela é vitima de cópia, como observamos quase anualmente acontecer com ela e a Samsung.

De acordo com a Engadget, a pequena fabricante conseguiu convencer com provas o escritório de propriedade intelectual de Beijing e pediu a retirada do iPhone 6 e iPhone 6 Plus das prateleiras. A Apple por sua vez abriu um apelo na justiça para manter os aparelhos em venda na China e provavelmente irá ficar devido a força comercial que ela tem contra a empresa pequena.

Pela China ter um número de população densa, são atualmente cerca de 1,382,323,332 (número não foi inventado e está aqui a fonte: http://www.worldometers.info/world-population/china-population/) pessoas no país, e perder esse mercado iria prejudicar bastante o orçamento da empresa em vendas.
Não se sabe ainda se Baili dará ou não continuidade ao processo contra a Apple em uma estância maior.

Via: TehnoBuffalo | Fontes: Engadget, Beijing Morning Post

X